Veja quais são as informações obrigatórias em rótulos de cosméticos

Veja quais são as informações obrigatórias em rótulos de cosméticos

As informações que são impressas nos rótulos de cosméticos não são definidas por questão de estética ou preferência dos produtores. Esses dados são regulamentados pela Anvisa e devem ser seguidos por todas as empresas na indústria brasileira e na de importadores.

Quer entender quais são essas informações obrigatórias e por que é tão importante seguir as normas? Então, confira o artigo!

Embalagens primárias

A embalagem primária é aquela que encapsula diretamente o produto. É a garrafa do xampu, o envelope do sabonete, a lata do desodorante.

Por isso, as informações disponíveis nesses recipientes são extremamente importantes para a saúde — são as embalagens que vão informar e guiar o consumidor na hora de seu manuseio. A Resolução RDC 07/2015 da Anvisa aponta as seguintes informações como obrigatórias para a embalagem primária:

  • nome do produto e categoria a que pertence (quando não implícito);
  • marca;
  • lote;
  • vencimento;
  • modo de uso (quando se fizer necessário);
  • advertências e/ou restrições de uso (quando se fizer necessário).

Embalagens secundárias

A embalagem secundária é aquela que envelopa a embalagem primária. Pode ser uma caixa com vários itens dentro para consumo, ou a de transporte até o varejo. Nelas, é obrigatório conter as seguintes informações:

  • nome do produto e categoria a que pertence (quando não implícito);
  • marca;
  • lote;
  • vencimento;
  • modo de uso (quando se fizer necessário);
  • advertências e/ou restrições de uso (quando se fizer necessário);
  • número de registro do produto;
  • prazo e validade;
  • descrição de conteúdo;
  • país de origem;
  • fabricante, importador ou titular;
  • domicílio do fabricante, importador ou titular;
  • ingredientes/composição.

Rótulos de cosméticos específicos

Mesmo que essas informações sejam gerais para tudo o que a Anvisa considera produto cosmético, ainda existem algumas especificidades em determinados itens da lista, que exigem informações adicionais ao consumidor.

Veja quais são esses casos de rotulagem específica e o que deve ser comunicado em cada um deles.

Aerossóis

  • Inflamável. Não pulverizar perto do fogo;
  • Não perfurar, nem incinerar;
  • Não expor ao sol nem a temperaturas superiores a 50ºC;
  • Proteger os olhos durante a aplicação;
  • Neutralizantes, produtos para ondular e alisar os cabelos;
  • Não aplicar se o couro cabeludo estiver irritado ou lesionado;
  • Manter fora do alcance das crianças.

Agente clareadores de cabelos e tinturas capilares

  • Pode causar reação alérgica. Fazer a Prova de Toque (descrever);
  • Não usar nos cílios e sobrancelhas;
  • Não aplicar se o couro cabeludo estiver irritado ou lesionado;
  • Em caso de contato com os olhos, lavar com água em abundância;
  • Manter fora do alcance das crianças.

Tinturas capilares com acetato de chumbo

  • Não aplicar se o couro cabeludo estiver irritado ou lesionado;
  • O uso inadequado pode provocar intoxicação por absorção de chumbo;
  • Aplicar somente no couro cabeludo (cabelos);
  • Depois do uso, lavar as mãos com água em abundância para evitar a ingestão acidental;
  • Manter fora do alcance das crianças.

Depilatórios e epilatórios

  • Não aplicar em áreas irritadas ou lesionadas;
  • Não deixar aplicado por tempo superior ao indicado nas instruções de uso;
  • Não usar com a finalidade de se barbear;
  • Em caso de contato com os olhos, lavar com água em abundância;
  • Manter fora do alcance das crianças.

Dentifrícios e enxaguatórios bucais com flúor

  • Indicar o nome do composto de flúor utilizado e sua concentração em ppm (parte por milhão);
  • Indicar o modo de uso, quando necessário;
  • Não usar em crianças menores de 06 anos. (Somente para enxaguatórios bucais).

Produtos antiperspirantes e antitranspirantes

  • Usar somente nas áreas indicadas;
  • Não usar se a pele estiver irritada ou lesionada;
  • Caso ocorra irritação e/ou prurido no local da aplicação, suspender o uso imediatamente.

Tônicos capilares

  • Em caso de eventual irritação do couro cabeludo, suspender o uso.

Seguindo todas essas recomendações para rótulos de cosméticos, você não só cumpre normas legais para distribuição de produtos na categoria como garante a tranquilidade e segurança do seu cliente.

Continue aprofundando seus conhecimentos e saiba, agora, o que a Anvisa diz sobre os rótulos de medicamentos!

Compartilhe esse post!