Você sabe o que são etiquetas RFID e como usá-las?

Você sabe o que são etiquetas RFID e como usá-las?

No varejo, uma série de tecnologias podem auxiliar empreendimentos a terem mais qualidade na prestação de seus serviços. As etiquetas RFID, por exemplo, são um ótimo modo de ampliar a qualidade dos processos, evitando gargalos e criando um fluxo operacional mais automatizado.

Além disso, elas podem substituir o uso de códigos de barra. Assim, os erros se tornam menos frequentes, bem como a redução dos prejuízos.

Quer saber o motivo? Então, acompanhe o nosso artigo a seguir! Boa leitura!

O que são as etiquetas RFID?

Sigla para Radio Frequency Identification (ou identificação por Rádio Frequência, em uma tradução livre), as etiquetas RFID são dispositivos de rastreamento e identificação. Para executar esses dois processos, elas utilizam um pequeno sinal de radiofrequência para trocar dados sem fio.

A origem das etiquetas RFID está conectada com a Segunda Guerra Mundial. Os sistemas de radar existentes na época permitiam a detecção de qualquer aeronave em um determinado perímetro.

Porém, não havia como avaliar se a aeronave era inimiga. Isso era um problema: como prevenir ataques se você não souber, com precisão, quando preparar os seus times para o contra-ataque?

Para solucionar esse problema, o físico escocês Sir Robert Alexander Watson-Watt criou as etiquetas RFID. Elas foram utilizadas pelo exército britânico para a identificação das aeronaves no radar, tornando a identificação de aviões inimigos muito mais precisa.

Como elas funcionam?

As etiquetas apresentam uma estrutura simples. Ela é composta pelos seguintes itens:

  • uma antena (para captar e enviar informações);
  • um microchip (para armazenar dados);
  • uma estrutura, geralmente de plástico ou silicone (para a proteção das partes), chamada de transponder ou tag.

Quais são as vantagens de utilizar etiquetas RFID?

As etiquetas RFID possuem uma série de vantagens quando comparadas com outras tecnologias para identificar mercadorias e produtos. Veja a seguir alguns dos benefícios.

Aumento da segurança

Pequenos roubos são um grande problema para lojas de varejo. Todos os dias, companhias deslocam recursos para evitar que pessoas furtem mercadorias, como o apoio de estratégias de identificação de suspeitos, seguranças e circuitos internos de televisão.

As etiquetas RFID são um meio fácil de melhorar a prevenção de problemas no ambiente comercial. Elas permitem que um produto seja rastreado dentro do ambiente comercial facilmente. Assim, qualquer tentativa de furto será identificada de modo preciso, evitando prejuízos.

Maior performance nos sistemas de logística

Os sistemas de logística são cruciais para o sucesso das estratégias de um negócio. Eles não só auxiliam na entrega de mercadorias dentro do prazo, como também permitem que a companhia seja mais competitiva: se os produtos são entregados ao consumidor no prazo escolhido, a relação do cliente com o negócio se torna mais sólida.

Com as etiquetas RFID, o negócio tem a qualidade dos seus processos melhorada. Fica mais fácil para o gestor rastrear em qual parte da etapa de entrega a mercadoria se encontra, bem como se existem atrasos ou gargalos na cadeia operacional.

Assim, se algum erro ou situação de risco existir, é mais fácil para o negócio agir. Basta verificar em que ponto se encontra o erro para tomar as medidas necessárias e, assim, otimizar as práticas de entrega de produtos da empresa.

Melhora na relacionamento com consumidores

As etiquetas RFID criam processos de compra de mercadorias muito mais competitivos. O negócio terá rotinas com maior nível de automatização, prazos reduzidos e menos etapas.

Para clientes, isso será visto como um diferencial. Se a entrega de produtos ocorre conforme o combinado ou se o número de etapas de uma compra é menor do que o de um concorrente, as chances da venda ser finalizada são maiores.

Assim, a companhia pode não só aumentar as suas vendas, mas também garantir que os seus clientes sejam fidelizados em uma frequência maior.

Gerenciamento mais automatizado do estoque

A gestão de estoque é um dos pontos críticos de qualquer empresa. Bem executados, os processos de gerenciamento de mercadorias permitem que o empreendimento gaste menos com matéria prima, evite desperdícios e gastos desnecessários.

Com as etiquetas RFID, a companhia pode ter grandes ganhos nessa área. Fica mais fácil para o negócio identificar quantas matérias-primas ele tem, quais devem ser readquiridas e como é feito o uso de tais itens.

Esses dados são cruciais para otimizar o planejamento do negócio. Uma vez que o gestor tenha dados mais precisos e atualizados sobre o seu estoque, a distribuição de recursos é melhor estruturada e capaz de evitar prejuízos.

Qual a importância de investir em estratégias que tornam a sua empresa mais eficiente?

O varejo brasileiro é um dos mais competitivos do mundo. Essa área possui uma concorrência acirrada por clientes e, em função disso, é crucial que os gestores invistam em práticas e tecnologias que possam melhorar o seu fluxo de trabalho.

Quando a empresa tem um ambiente ágil, automatizado e com menos gargalos, fica mais fácil entregar bons resultados. Os serviços são pautados por uma alta qualidade e um alto nível de integração. Além disso, a unificação dos processos e setores permite que a resolução de problemas seja mais simples e eficaz.

A melhor forma de garantir um bom ambiente de trabalho é investir em tecnologia. A Internet das Coisas (IoT), por exemplo, auxilia gestores a terem dados mais precisos e em tempo real dos seus produtos. Assim, a companhia pode identificar quais as melhorias são necessárias ao seu ambiente de trabalho de um modo muito mais inovador.

Já sistemas de gestão integrada permitem que a empresa tenha mais agilidade no acesso aos dados. As informações administrativas podem ser organizadas em um único local e, dessa forma, evitar erros, problemas de comunicação ou falhas na execução das obrigações legais.

As etiquetas RFID também podem ser vistas, nesse cenário, como um modo de otimizar a empresa. As companhias que implementam essa solução conseguem agilizar rotinas, evitar atrasos e garantir a entrega de mercadorias dentro do prazo.

Elas também permitem que a gestão interna seja mais eficiente. A cadeia operacional é acompanhada de um modo mais abrangente e conectado com as necessidades do mercado. Em resumo, o investimento nas etiquetas RFID é ideal para tornar a sua empresa mais inovadora e competitiva.

Gostou dessa dica? Compartilhe ela nas suas redes sociais para que os seus parceiros de trabalho também possam aproveitar esse conhecimento!

Compartilhe esse post!